domingo, 14 de novembro de 2010

Pensamentos, finalmente, revelados.

Tempo para escrever...muitoas perguntas, aqui vai
um pequeno resumo do que se passa na minha cabeça!
Não disse isso pra muita gente, mas vamos lá
hora de escrever. :D

Eu estou há um tempo aqui na Austrália
Quando eu vi aqui, você sabe qual era minha idéia inicial?
Estudar em uma universidade.
(mas sempre dizia isso em forma de brincadeira)
Cheguei aqui e comecei a viver, mas era uma vida
diferente da que eu esperava.
(de certa forma eu não gostei da homestay que fiquei)
Mas mesmo assim, mantive a ideia de estudar
(A propósito, era Curso de Game Design)
Eu estava estudando General English, fizia 11 semanas
depois eu mudei para Preparation for IELTS Exam
Onde eu estudei por mais 13 semanas
(Tenho orgulho de dizer que atingi o último level)
No decorrer desse tempo, minha idéia de estudar na Universidade
ficava mais longe. Comecei a pesquisar melhor o que eu
deveria fazer para atingir meu objetivo.
Infelizmente não era nem um pouco fácil.
Primeiramente eu precisaria ter 6.5 no IELTS.
(Tá, não é dificil, eu acho)

Segundo, eu precisaria ter uma renda anual de 25k só para
a faculdade. Isso me levava a ter um trabalho, no qual eu teria
que conseguir um emprego que ganhasse AU$3000,00 para conseguir
sobreviver por aqui(desconsiderando o aluguel, pois
eu usaria minhas economias.)
Vendo que não era possivel conseguir um emprego deste tipo,
Eu refiz meus planos e eu estudaria arquiterura
e assim conseguir um bom emprego como desenhista na área,
afinal, eu tenho experiência com desenhos, só faltava
conhecimentos em construção de casas e essas coisa.
Mantive a ideia até o dia que fiquei de saco cheio -
acho que era homesick e também o pessoa, as vezes, agem
estranhamente aqui, me irritando - e conversando com minha mãe
que queria que eu voltasse. Decidi, iria voltar, mas antes
eu iria ficar mais uns 2 meses de férias para conhecer aos
arredores da Austrália. Comecei a gastar um pouco mais
do que o usual, gatei até AU$900,00 em uma viagem de 7 dias
e outras coisas como o boneco do Thrall(hehe) e 400 doletas
no pulo de para-quedas.
(vale lembrar que antes eu queria fazer a viagem para o japão)
Antes da viagem - talvez uma semana antes - eu não estava
mais de mais saco cheio, mas a ideia de que minha mãe me
queria de volta, permanecia na cabeça (apesar de eu não
ter dito isso a ela, pois era melhor) e também
a vontade de ver os amigos, familia, sair pra curtir, ir na
casa da pizza, comer pastel, etc....
Na viagem, eu liguei para minha mãe, ai na conversa
eu senti que eu ainda tinha muito para ver e fazer por aqui
contudo não sabia o que era, mas senti que poderia ficar
mais um pouco e minha mãe concordou.

Novamente eu decidi, vou ficar mais tempo.
Passar o Ano Novo por aqui e ver como é.
Tenho dinheiro ainda e onde eu estou morando
é bom, pois tenho minha liberdade, então, não tenho nada
que vai me deixar de saco cheio denovo, só eu não perder
meu foco.
Mas para ficar eu teria que fazer algum curso, pois
a desvangatem de ser brasileiro nessas horas é com
relação ao visto. Nesse meio-tempo, eu tinha pego um visto
de turista (Sabe a viagem para o japão eu não fui,
pois eu tenha visto de turista aqui na australia.)
No momento, estou esperando meu visto de estudante
- e pensar que eu tive sorte de eles terem aceito minha
papelada, pois não é facil mudar de turista para estudante.

Abri uma conta por aqui, pois terei que economizar,
então vou transferir minha grana e
assim eu não irei precisar pagar taxas absurdas do cartão de crédito
(Bruno burro, você pagava...)
Minha situação de hoje:
Estou em uma sharehouse onde não tem mais tanto Spanish speaker
que fica até tarde fazendo barulho. Tenho meu momento de descanso.
Mais agradável viver por aqui. E também tem mais garotas em casa
(isso é um fato importante, preciso me internacionalizar mais, haha).
Minha mãe que me desculpe, mas aqui não tenho pressão e nem
preciso dividir quarto. =)
Não terei mais problemas com dinheiro(de certa forma - no momento,
eu não estou conseguindo fazer tranferências da Caixa pro Itaú.)
O verão chegou novamente. Chega de inverno chuvoso por aqui. =(
Estou mantendo minha mente ocupada tentando dese... tentando não,
eu vou fazer um software em vb.net(apesar que perco mais tempo
estudando código na internet que propriamente fazendo-o.)
Eu terei que procurar um emprego mais seriamente
e ainda tentar pegar um emprego na área de TI. Tenho que começar
algum dia, melhor seria se eu começasse aqui =)

Esses dias vejo, novamente, a possibilidade de estudar por aqui
mas isso depende se eu encontrar um trabalho bom, caso contrário
deixa pra lá. E mais, Eu tenho pensado o que eu aprendi por aqui
com relação ao inglês e percebi que não evolui MUITO.
Eu poderia dizer que eu ganhei mais confiança e aprendi muitas
coisas do dia-a-dia, mas tenho um vocabulário pobre e meu ouvido
ainda não esta completamente treinado, tem muito que melhorar.
Parei de beber. Ao contrário do que as pessoas estavam dizendo
ao meu respeito de eu estava bebendo todos os dias e virando
o caneco, eu digo, eu não bebiba muito, e só bebia em festas e
happy hour e não bebia muito. agora parei, talvez um copo no
happy hour, pois não pode passar em branco com os amigos, né?!

Iniciei um curso de Business Cert. I e II em outra escola: QAT.
Paguei uma fortuna.
Terei que frequentar uma vez por semana. Isso é bom pois terei tempo
para trabalhar e ainda fazer os possíveis trabalhos. Terminarei
no fim de março.Estou com saude, tenho ido a academia, tentando
eliminar a barriga.
E sendo assim, eu estou motivado a ficar por aqui, sentindo falta
dos amigos, familia e da vida brasileira, até mesmo da comida que não
tem igual !
Acho que é tudo. Motivos para ficar? Eu mesmo estou criando.
Pode ser que amanhã eu mude. Vivo cada dia como se fosse o ultimo.
(quem sabe um dia eu acerto, hahahaha, brincadeira!)

Mais uma informação:
Eu não estou utilizando o Orkut mas sim Facebook.

quarta-feira, 2 de junho de 2010

Era uma vez...

Ola!
Estive ausente por um tempo...desculpa...
Eu me pergunto se ainda sou capaz de escrever alguma coisa
em português. No inglês não tem acentuação, isso é bom
pelo menos isso eu não esqueço.

Bem, a vida por aqui esta indo tranquilamente
não tem muitas novidades, mas as poucas eu vou contar a seguir
Minha saúde esta perfeita, pelo menos fisicamente, pois
mentalmente ela esta estressada ( Acho que o cérebro não cansa, ele estressa)

Pois bem, passados 3 meses aqui na Austrália
ja estou me sentindo um pouco nativo...
Apesar de não estar ainda fluente, tenho convivido muito bem
-como pessoal de casa ainda continuo na comunicação monosilábica- "Hi","hey","Bye"-
Meu quarto ainda esta uma bagunça, preciso dar umm jeito
tenho feito varios amigos (pena que a maioria vai indo embora)
Não tenho indo a muitos lugares diferentes ultimamente
tenho ido a bastante BBQs(churrascos) com o pessoal
acredito que cada sexta ou sabado tem algo...

Recentemente eu perdi um dos meus agasalhos na ultima festa
que teve da shafston, que a propósito, o tema era "Festa Brasileira"
(apesar do tema acho, posso contar em um mão o numero de musicas
brasileiras que tocou por lá).
Na noite eu tinha bebido alguns copos de cerveja e alguns de vinho
- estou mencionando isso por acho que isso é uma informação valiosa -
não que eu estivesse bebado, pois precisa mais do que cerveja pra isso
porem, não posso dizer que meus reflexos era das melhores, principalmente
quando se tratava da "memória curta" . No meio da festa eu tava sentindo
calor (lembrando que aqui está frio), então resolvi tirar o agasalho
e pendurar em uma cadeira - afinal, aqui é Austrália, quem roubaria.
Fim de festa - 2:00am - sai com o pessoal. Uma coisa interessante
é que os seguranças eles não pedem licensa não, eles EMPURRAM
e falam para ir embora para a casa e liberar a calçada.
Conversa vai, conversa vem, quando resolvi ir para a casa - 3:00 - senti um
um vento frio, de repente eu lembrei do meu agasalho.
No momento pensei, "ufa ainda bem que eu lembrei" e logo voltei
para o lugar onde tinha deixado.
Na porta tinha um "pequeno" segurança com cara de... sabe, geralmente
alguns segurança são desprovido de massa cefálica, e isso se percebe
pela rosto. Pois bem, uma enorme amostra estava parado na minha frente
impedindo minha passagem, e dizendo "Esta fechado! Não posso deixar passar."
(pensei que isso só acontecia em desenho animado) porem sou brasileiro e
nunca desisto. Depois de apertar mil vezes o mesmo botão, ele finalmente
disse uma coisa diferente: "Fala com o chefe ali", e apontou para um engravatado.
Bem, vou tentar resumir. O "chefe" disse: "Agora não da mais, volta amanha!"
Permita-me traduzir: "Ihhh, perdeu, 02! Pede pra sair!". Até que era uma bom
agasalho....Ahh sim, se querem saber se eu voltei no outro dia: VOLTEI!

A vida continua, mas agora com um pouco mais de seriedade.
Durante 11 semanas eu fiquei no General English, pelo menos esse
era o foco do curso, porem eu mudei.
G.E. estava ficando um tanto monótono, sem muitas diferença
muitos alunos novos, geralmente de level abaixo (level 3) indo
para o meu level.
Resolvi vestir realmente a camisa e fiz uma prova e passei.
Agora eu estou no curso preparatório IELTS.
International English Language Testing System
Não é um nome muito dificil de entender, mas vou explicar
Trata-se de um exame que teste seu nível de inglês. Entendeu?
Bem, mas pra que isso? Essa prova testa sua proficiência em inglês
classificando de 4 até 7 (eu não sei se é de 1 até 10, mas 7 é muito² dificil)
e isso irá ajudar em caso de renovação de visto e mesmo ingressar em
uma faculdade com inglês britânico. O exame tem dois caminhos, o normal e o
acadêmico. O normal não é tão dificil, porem o acadêmico é.
Claro, eu irei fazer o acadêmico.

Em duas semanas estudando, eu percebi o quanto eu estava enferrujado
posso dizer que as faculdade do Brasil não são realmente dificeis
por isso posso dizer que fazia tempo que eu não ESTUDAVA.
Agora, o que eu não conseguia fazer muito bem em português, terei
que fazer em inglês, e muito bem.
Redações, Leitura e interpretação e Escutar(ouvir não conta)
2 Listening test(ouvir) por semana
2 writing essays (redação) por semana
Fora a gramatica e a leitura.
E mais, cada categoria tem o tempo estipulado em 1 hora.
Ah sim, não mencionei o Speaking(fala-fluência), que tem no exame
Ja fiz até apresentação em inglês, e os temas são variados
a apresentaçã que eu fiz foi sobre arquitetura
(curiosidade: Sabia que a Estação da Luz veio de um catálogo inglês
e ainda mais, é muito similar a uma estação em Melbourne-Austrália, chamada
Flinders Street Station)
Bem, em suma tenho que dize, não é nada fácil e por isso é interessante!
se fosse fácil não precisaria de prova, pois todo mundo faria e iria bem.

E para finalizar, pois acho que eu ja escrevi bastante por hoje
eu gostaria de dizer que comecei a tocar violão
e vou aprender isso sozinho!!!

Até a próxima!!

sábado, 17 de abril de 2010

Noosa!






E aeee! Sentiram minha falta?
Ja faz um bom tempo que não escrevo por aqui!
Estive meio ocupado-preguiçoso nos ultimos dias(semanas?).
Pois bem, Estou de volta e com algumas fatos para contar.
Claro, muito de vocês estavam curiosos esperando a novidade, cá estou para saciar
Sua sede de “9dades”! Pegue um café, veja se está confortável em sua cadeira,
Pois faz um bom tempo que não escrevo uma redação em português, he he!

(deixe me ver quando foi o ultimo post....*olhando*)

Vixi....vamos lá.
Eu ainda continuo na minha “caixa de fósforo”.
Não é la grande coisa, mas depois de um tempo acaba-se acostumando a
viver confinado. Acho que deve ser a mesma coisa em quando uma pessoa
está presa, claro, tirando o fato que em prisão você não consegue durmir
sem desconfiar da própria sombra. Acho que exagero quando digo que meu
quarto é um pesadelo mobiliário, mas não é.
Eu tenho um período para ficar por aqui, como eu deixei um depósito de duas
semanas (270 dolares) e um período mínimo de aluguel de 2 meses, eu não
estou com pressa para sair.

A ultima postagem foi quando eu tinha me mudado para cá, e falei sobre minha
“Engenharia de Emergência” no cabo da internet. Agora, ela esta arrumada,
bunitinha e funcionando...MAL PACAS!
Dizem que a conexão mais lenta de todas é a discada, eu acredito que eles não
consideraram a minha conexão aqui no meu quarto, se é que posso considerar
que isso é “conexão”. Mas as vezes consigo ver meus e-mails.
Neste caso eu achei uma solução, não muito viável, mas satisfatória.
3G
Pra dizer a verdade, eu não pesava que eu iria contratar um serviço desse tão
cedo, muito menos aqui na Austrália (levando em cosideração que meu
Visto é apenas até Setembro).
O serviço é relativamente bom, mas o que mais me irrita é ver que o plano é
limitado por Gigas Bytes . Eu peguei o plano Pre-Pago, pois eu não posso pegar
outro plano diferente, pois qualquer outro tem Fidelidade de 1 ano. Mas com
esse plano que estou agora dá pro gasto. (Chego a uma velocidade de 50KB/s) .

Depois da minha mudança, a vida começou a ganhar outra cara, acredito que
muitos conhecem essa cara chamada: “Rotina”. A medida que se vai conhecendo
a cidade, e as novidades não são mais novidades, e começa a conhecer a
redondeza, a emoção vai acabando (pelo menos para mim) . Contudo, tem
sempre algo para fazer (o mais importante) e amigos para acompanhar.
Mas sempre aquela rotina - Acorda-Escola-City-Casa - para deixar as coisas lentas.
Porem, na Páscoa a emoção voltou a reinar, hehe!
Próxima parada, Noosa – Sunshine Coast / Queensland-Austrália!
Tudo planejado - de ultima hora é claro - , vamos para praias do norte!
Quatro pessoas: Eu, Um amigo Brasileiro e Duas Colombianas!
Perfeito!
Dia da viagem: Eu e Meu Amigo Brasileiro...

F***! Estava tudo certo, reservado nossos lugares no Backpackers Houses
para quatro pessoas! Porem, a situação mudou no dia antes da viagem.
As garotas deram para trás. Uma teve que trabalhar e a outra desistiu e
foi com o primo dela para outro lugar.
Tudo nessa vida tem um motivo para acontecer.
Foi bem melhor sem elas! Eu acredito que não teria feito metade as coisas
que fizemos na viagem, e nem os apuros que passamos! Apesar de não
terem ido, a gente acabou indo para Noosa sem elas. Pois não iamos perder
nosso feriado em Brisbane.
Colocamo-nos a caminho de Noosa no fim da tarde. Fomos de trem, porem,
não tinha nenhum que fosse direto para o lugar onde tinhamos reservado a
acomodação, mas mesmo assim entramos no trem sem saber exatamente
onde parar.
Após pegar o trem e algum tempo de viagem, eu perguntei ao meu amigo
brasileiro se ele sabia onde era o lugar certo para a gente ir. A vezes tem
coisas que a gente sabe mas só para puxar assunto a gente pergunta. “Poutz,
Esqueci o Endereço!” Mas as vezes a vida não tem graça quando a gente
ja sabe a resposta!
A gente no meio do caminho sem saber onde ia passar a noite. Incrível, ou
melhor , ferrou! Mas, mesmo assim, continuamos firmes em nossa jornada!
Depois do meu amigo perguntar algumas informações para um garoto que
estava deitado nas cadeiras do trem (nesse momento o trem estava quase
vazio) fomos orientado de como chegar em Noosa! É so ir até a ultima
estação e pegar um ônibus!
“No fim da tarde”, foi o que eu tinha dito, logo, chegamos na estação por volta
das 8-9 horas da noite! Incrível como a gente reclama as vezes que os
onibus de São Paulo param de funcionar por volta da meia-noite ou uma
hora da manha.
Recem chegados na estação Nambour(Nossa estação), procuramos os onibus
para Noosa Head, e o que vimos foi apenas taxis, pois os onibus por lá param
as 6:00PM! Pronto! Não sabemos onde fica a acomodação e ainda por cima
não tem ônibus para chegar pelo menos perto do lugar.
Nessas horas a gente pensa em várias coisas, chegou um momento que eu
pensei no filme “Em busca da Felicidade” com Will Smith, no momento que
ele dorme na estação do metrô.
Passava das 9 da noite e a gente precisava chegar lá, o prócimo ônibus para
Noosa Head era as 10:00AM, logo a melhor solução foi.....TAXI!
Em outros posts, eu disse que a salvação pra quem ta perdido é pegar um taxi.
Pois bem, foi a solução mais cara de todo o tempo que estive aqui em brisbane,
porem chegamos ao nosso destino e por sorte, o motorista sabia onde era a
nossa acomodação.
Dez horas da noite! Chegamos em fim em Noosa, no lugar chamado “Dolphins Beachhouse”!

“O que é um peidinho pra quem esta cagado!”

Chegando lá, tarde da noite, e tentamos achar a recepção. Quando demos
conta, percemos que a recepção estava fechada, que ela funcionava até
as 8 da noite! Ótimo! Não tem como a gente fazer o check in! Não temos
quartos! O que vamos fazer?!
“Depois da tempestade, vem sempre a bonanza”
Pra dizer a verdade, daí para frente as coisas começaram a dar certo.
Do lado de fora dos quartos, tinham dois caras conversando e bebendo,
e em um bate-papo com eles, eles nos ajudaram mostrando um quarto
onde não tinha ninguem e que iria ser ocupado somente no outro dia.
Salvos! Temos onde passar a noite! Durmimos no quarto até o dia seguinte,
levantamos cedo para fazer o check in, demos uma desculpa para a dona
sobre as outras duas pessoa que não apareceram, e ficou tudo bem.
Dividimos quarto com duas garotas holandesas.

Eu poderia escrever por um bom tempo, das coisa que vi e fiz, mas
deixarei para continuar no próximo post! Na semana que vem!

sábado, 27 de março de 2010

Mude vc tb!


Ola pessoas!
Faz um tempo que eu não escrevo nada!
O motivo vocês ja estão cansados de saber, mas
desta ves teve mais alguns motivos!

Meu tempo de homestay acabou.
Eu não sei se ja disse isso, mas apesar de eu ter um
certo conforto na homestay, pois tinha café da manha
e um jantar, eu não me sentia muito bem a vontade.
Nada melhor que nossa casa para a gente se sentir assim!

"A mudança é sempre boa"...que frase enpolgante!
Mudança! Eu acho que ja falei varias vezes isso
para as pessoas, para que elas mudem suas vidas
(geralmente para melhor).
MAS...não achei tão empolgante assim quando se trata
de mudar de casa, ainda mais, quando se tem MALAS!

Acho que a quando chamar alguem de MALA, não precisa
exagerar dizendo "sem alça", pois mesmo com rodinhas
essas cargas são realmente um encomodo!

Acho que a pergunta dos estudantes daqui quando faz sua
primeira mudança é: Como vou voltar com tudo isso pro
meu país?! Eu não sei realmente o que acontece, mas
parece que as cousas se somam por aqui (menos o
dinheiro...geralmente é operação de subtração). Eu tinha
Duas malas relativamentes pesadas e minha mochila.
Na minha mudança, eu tinha tudo isso um pouco mais pesado
e com umas sacolas a mais...hehe!

Finalmente eu mudei para um metro quadrado!
Parece meio comedia as coisas agora, pois eu estou dividindo
casa com 3 colombianos, acho que 2 coreanos(olhinho puxado).
NOTA: Para aquele que ficam assustados com os coreanos serem
mão-leve, Vocês não conhecem os colombianos, a fama deles não
é nem um pouco boa! hehehe!

Uma coisa que precisa ser obrigatório em todos as escolas do MUNDO
é ter o curso de MANTER A CASA LIMPA e com ênfase em LAVA LOUÇA!
Eles que me desculpem, mas o povinho bagunça! hehe!
Mas eles são gente boa.
Mas estou vivendo em Kangaroo Point (não, não tem canguro onde moro!)
pertinho da Shafston! O quarto é pequeno....pera ai! Acho que estou
sendo legal demais. Meu quarto é um **! Eu olhei pelos quartos, outros
que tem aki na casa, acho que o meu é o menos, me pergunto se eu pago
o mesmo valor que os outros. Mas da para sobreviver!

Eu não sei quando foi que isso aconteceu, quando é que comecei a ficar
assim, mas acho que INTERNET deve ser o novo orgão do ser humano, tipo
coração, pulmão...algo meio vital, sabe?!

Estou em um quarto sem internet, pelo menos estava até pouco tempo atras.
O interessante que quando temos tempo sobrando, a criatividade é uma aliada.
E eu usei um pouco dela para solucionar um problema vital: Falência do Orgão
Internet. Percebi na noite em que mudei que o cabo de internet estava com
problema (hoje descobri que estava rompido). Claro que eu avisei para o
dono que eu estava sem internet, e mais claro ainda, o problema não
iria ser resolvido no final de semana!
"Posso viver sem internet" foi o que pensei e falei para o cara, tudo bem
não tem problema eu espero até segunda(dia que o técnico vem arrumar)!
Ha! Noite de sábado em Brisbane, é incrivelmente ... tedioso, por enquanto
pois não tinha lugar para ir!
O que fazer?! Vou ouvir música!
Comecei a ouvir música, as mesma de sempre, pois ainda não baixei nenhuma nova!
depois de um tempo, percebi que eu era o unico que não tinha internet na casa, e
todo mundo ficava conversando no skype, ou ouvia-se o "turu....turu"do MSN!
"NÃO É POSSIVEL! Preciso fazer algo a respeito!"
Comecei a olhar o cabo da internet, depois de uns 10 minutos, percebi que estava com
um pequeno corte, e dois fios estavam rompidos! Bem, não preciso dizer
o que aconteceu a seguir, pois a foto é auto-explicativa. Com um cortador de unha
e paciência eu terminei minha arte!!!

Bem, é isso! Essa foi uma pequena aventura que aconteceu comigo.
Tem varias outras, mas quero dizer que eu fui em uma festa colombiana
tentar dançar SALSA...ou seria "SARSA"? Quem liga. Mas foi legal.

Vou para por aki, pois cansei de escrever!

Cya!!!!

segunda-feira, 15 de março de 2010

Do avesso!




Vortei!
Eu sei que demoro para posta as coisas mas
aos poucos vou colocando coisas novas.

Virado-dos-Avessos à Paulista

Dica #1 – Se você que não sabe cozinhar direito, tente fazer um Virado à Paulista.
Aposto que você irá aprender rapidinho..como não deve ser feito um.

Dica #2 – Se alguem te der uma Panela de Pressão diferente das que você usa no Brasil,
e que a dona usa palito de dente para desentupir a valvula, não se assuste,
apenas reze para que não exploda. Ainda bem que não explodiu comigo!

Dica #3 – Você consegue cozinha qualquer comida sem óleo, vinagre, azeite e
ate mesmo sal refinado. Baste ter um pouco de agua, sal grosso e imaginação!

Dica #4 – Se no fim você achar que ninguem vai comer sua comida, não fique triste
com certeza a dona da casa irá fazê-lo comer tudo! Hehe!(Rir, pra não chorar)

Resumindo, “ I failed!” ! Acho que foi uma experiência incrivel!
Principalmente quando eu tentava abrir a panela de pressão e
não conseguia, e após ter passado meia hora tantando abrir
(cagando de medo pra tampa não sair voando com qualquer pressão restante)
Eu consegui. Mesmo ainda sabendo que teria que preparar tudo em um(1) hora
e no final acabou tomando duas(2) horas e quando eu pedi Couve a mom trouxe
Repolho....é valeu a tentativa!

Preguiça na área!
No momento não estou muito disposto a escrever bastante, mas
eu preparei alguns pequenos videos para vocês olharem.

Video 1

Video 2

Video 3

Eu tenho algumas coisas para contar, mas deixarei isso pra outro dia, hehe!

Cya!

quarta-feira, 10 de março de 2010

mais um poucooo!

Ola ppl!

(pensativo...)

Estou devolta, mas agora não escreverei muito. Claro que eu poderia descrever cada dia que estou na Austrália, mas acho que não é o caso, pois o importante é tentar mostrar as coisas incríveis que esxitem por aqui e importantes coisas que estão acontecendo comigo.

As aulas começaram.
Acredito no começo é tudo novidade. Tentar me localizar na escola, saber onde terei minhas aulas, conhecer os professores e meus colegas, que tão logo se tornarão amigos (talvez inimigos). É um processo que todos nós já estamos acostumados e que logo cairam no esquecimento, pois logo virão acontecimentos que tomaram lugar em nossa mentes ocupadas.

Fazer amigos. Sair com eles. Atividades extra-classe. Organizar a vida. Criar uma rotina.
O trêm começou a andar, todos os passageiros acharam seus lugares. Agora é seguir o caminho.
Me encontro na segunda parte da grande viagem.
E nessa viagem muitas pessoas irão descer na próxima estação, bem como muitas no ponto final.
Ouvi uma coisa interessante hoje: “(...)O pior é ver que mal fazemos amizade com a pessoa e elas ja têm que partir(...)”.
Quero começar a dizer que muitas pessoas que estão na Shafston voltarão para suas casas em no máximo 3 ou 4 semanas, a maioria japoneses, pois eles estão de férias de 1 mês. Outros passaram um pouco mais, mas poucos ficarão até o fim.

Mas o importante é aproveitar bastante as coisa. No momento acabei de chegar de chinatown, ou pelo menos um pedaço dela aqui em Brisbane. Muitas pessoa. Desta vez o grupo que saiu somava 20 pessoas. Foi bom, conheci mais pessoas. Fato interessante é, eu não consigo decorar todos os nomes das pessoas: Momoko, Yukako, Kiri, Yuri, Tatsuya, Asako,....To ficando louco!!!
Eu frequentemente esqueço os nomes e acredito que eles ficam bravo comigo, mas faço disso uma brincadeira e não fica tão mal pra mim. Hehehe!

Mais um fato: Estou ficando conhecido.

Finalmente o sol volta a brilhar na terras australianas. Recomeça as atividades.
Pessoas correndo, bicicletas para lá e para cá.
Nem mesmo começou as atividades, eu ja me encontrava jogando bola no gramado da escola. E para melhorar depois do futebol, um pouco de basquete para descontrair. Claro, isso depois da atividade normal do dia: Estudar Inglês!
Uma coisa importante disso é descobrir que existem pequenas coisas do dia-a-dia que eu não sei o nome em inglês. Mas tudo bem.

E para terminar meu dia, amanha será um grande dia para mim!
Mostrarei minhas artes culinárias. Terei que desempenhar um grande papel que será fazer a familia da minha homestay deliciar-se da mais requintada comida brasileira....não é feijoada....Virado à Paulista! Mas pelo jeito vai ser um Virado-dos-Avesso à Paulista. Mas veremos no que vai dar!



domingo, 7 de março de 2010

Mais sobre.....







Os Brasileiros dominam o mundo!







Agora eu vejo como é engraçado quando a pessoa fala




"Poxa, meu amigo foi para tal país..."




Eu estou em outro país e estou vendo esse "amigos".




E vocês tem que entender que brasileiro aqui na




Austrália são realmente amigos.




Primeiro foi no primeiro domingo que encontrei amigos




brasileiro(ok, amigAS!) e ja saimos por ai pra curtir




em Gold Coast! E a cada dia eu encontro um por ai.







Primeiro DIa de AUla







Os brasileiros irão dominar o mundo, mas os olhinhos




puxados ja dominaram a Shafston! Comom eu imaginava,




a escola eh por volta de uns 70% olhos puxados, heheheh




e 30% pro resto do mundo.




Pois bem, meu primeiro dia na shafston foi muito divertido!




Nem preciso dizer que eu sou uma pessoa meio perdida




quando se trata de primeira vez em um lugar (as vez na segunda




também acontece...). Chegando lá, eu acho que perdi pelo menos




uns 10 minutos tentando encontrar onde eu deveria ir




- sabe como é, homem se perde mas não pede informação, ainda




mais quando se trata de pedir informação em inglês -




pois bem, eu acabei por sendo ajudado (não pedi informação)




e achei o lugar. Muitos alunos novos por lá de todos os




lugares (mas clááááro, mais asiático).




Tratei de procurar o que deveria ser feito naquela bagunça e




já entrei na fila (filas grandes frequentemente é o lugar certo)




e fiquei observando. Se tratava do teste inicial, para saber




o level do aluno e em que ele deveria focar seus estudos.




Engraçado, nos dias anteriores eu estava meio com frustrado




pois não conseguia entender o que as pessoas diziam




mas no teste que fiz, os professor que fez o speaking(teste inicial)




eu não tive problemas de me comunicar, mas o problema




foi ter que fazer uma prova durante uma hora de Reading - Texto enorme-,




Writting - Ô coisa chata, mas fui bem -, Listening - Aff,




eu fui bem tb.




São 6 leveis de inglês, eu fiquei no lvl 4. Nada mal.




Contudo esse teste não é exato, mas sim uma aproximação.




O teste definia também qual focus era mais indicado




para mim no momento. Eu achava que era Speaking/Listening




Mas meu teste deu "Reading/Grammar".




Logo ficou em 3 aulas: Grammar / Speaking / Naum descobri ainda!







Os dias que se seguiram foram as aulas normais com professores




completamente....hmmm...pirados?Estranho? Um mix desses dois!




(se que não devia conta, logo no primeiro dia de AULA e no segundo




eu cheguei atrasado hehehe mas não levei falta).




Não pode falar outra lingua dentro da sala de aula, SOMENTE INGREIS!




Mas foi tudo bem, fiz amizade com todo mundo(ou quase)




estou bem a vontada. Geralmente minha companhia é




2-3 colombianas e um Brazuca(=Brasileiro) e geralmente no almoço.




Por falar em almoço, pode se dizer que estou passando mals-bocados




pois a comida NÃO TEM SAL! Onde ja se viu uma comida assim?! E, para




piorar, tem uma comida com Curry que é MUITO apimentada(ou seria quente?)







No começo foi bem dificil tentar achar as salas de aula




pois não é tudo em um lugar só! (descobri que tem Lavanderia lah)




Tem 3 andares com sala de aula. Do lado de fora tem sala...




por ai vai! To quase decorando o lugar. Lugar é muito bom.







Farei uma breve explicação sobre como funcionam as coisas.




Para chegar as Shafston, eu preciso fazer duas coisas.




Uma, andar até o rio e outra pegar o CityCat.




Para chegar até as margens do rio, eu demoro por volta




de uns 15 minutos de caminhada. E para eu atravessar o rio




eu pego o CityCat, que nada mais é que um mode inteligente




de aproveitar o rio como uma forma de transporte público.




E esse transporte, bem como todos os que correm em brisbane




os horários são tabelados, tem a hora certa para passar




então se você perder um busão, você olha na tabelinha




e vê quando vai passar o outro, tanto Onibus, CityCat ou trens!