sábado, 27 de março de 2010

Mude vc tb!


Ola pessoas!
Faz um tempo que eu não escrevo nada!
O motivo vocês ja estão cansados de saber, mas
desta ves teve mais alguns motivos!

Meu tempo de homestay acabou.
Eu não sei se ja disse isso, mas apesar de eu ter um
certo conforto na homestay, pois tinha café da manha
e um jantar, eu não me sentia muito bem a vontade.
Nada melhor que nossa casa para a gente se sentir assim!

"A mudança é sempre boa"...que frase enpolgante!
Mudança! Eu acho que ja falei varias vezes isso
para as pessoas, para que elas mudem suas vidas
(geralmente para melhor).
MAS...não achei tão empolgante assim quando se trata
de mudar de casa, ainda mais, quando se tem MALAS!

Acho que a quando chamar alguem de MALA, não precisa
exagerar dizendo "sem alça", pois mesmo com rodinhas
essas cargas são realmente um encomodo!

Acho que a pergunta dos estudantes daqui quando faz sua
primeira mudança é: Como vou voltar com tudo isso pro
meu país?! Eu não sei realmente o que acontece, mas
parece que as cousas se somam por aqui (menos o
dinheiro...geralmente é operação de subtração). Eu tinha
Duas malas relativamentes pesadas e minha mochila.
Na minha mudança, eu tinha tudo isso um pouco mais pesado
e com umas sacolas a mais...hehe!

Finalmente eu mudei para um metro quadrado!
Parece meio comedia as coisas agora, pois eu estou dividindo
casa com 3 colombianos, acho que 2 coreanos(olhinho puxado).
NOTA: Para aquele que ficam assustados com os coreanos serem
mão-leve, Vocês não conhecem os colombianos, a fama deles não
é nem um pouco boa! hehehe!

Uma coisa que precisa ser obrigatório em todos as escolas do MUNDO
é ter o curso de MANTER A CASA LIMPA e com ênfase em LAVA LOUÇA!
Eles que me desculpem, mas o povinho bagunça! hehe!
Mas eles são gente boa.
Mas estou vivendo em Kangaroo Point (não, não tem canguro onde moro!)
pertinho da Shafston! O quarto é pequeno....pera ai! Acho que estou
sendo legal demais. Meu quarto é um **! Eu olhei pelos quartos, outros
que tem aki na casa, acho que o meu é o menos, me pergunto se eu pago
o mesmo valor que os outros. Mas da para sobreviver!

Eu não sei quando foi que isso aconteceu, quando é que comecei a ficar
assim, mas acho que INTERNET deve ser o novo orgão do ser humano, tipo
coração, pulmão...algo meio vital, sabe?!

Estou em um quarto sem internet, pelo menos estava até pouco tempo atras.
O interessante que quando temos tempo sobrando, a criatividade é uma aliada.
E eu usei um pouco dela para solucionar um problema vital: Falência do Orgão
Internet. Percebi na noite em que mudei que o cabo de internet estava com
problema (hoje descobri que estava rompido). Claro que eu avisei para o
dono que eu estava sem internet, e mais claro ainda, o problema não
iria ser resolvido no final de semana!
"Posso viver sem internet" foi o que pensei e falei para o cara, tudo bem
não tem problema eu espero até segunda(dia que o técnico vem arrumar)!
Ha! Noite de sábado em Brisbane, é incrivelmente ... tedioso, por enquanto
pois não tinha lugar para ir!
O que fazer?! Vou ouvir música!
Comecei a ouvir música, as mesma de sempre, pois ainda não baixei nenhuma nova!
depois de um tempo, percebi que eu era o unico que não tinha internet na casa, e
todo mundo ficava conversando no skype, ou ouvia-se o "turu....turu"do MSN!
"NÃO É POSSIVEL! Preciso fazer algo a respeito!"
Comecei a olhar o cabo da internet, depois de uns 10 minutos, percebi que estava com
um pequeno corte, e dois fios estavam rompidos! Bem, não preciso dizer
o que aconteceu a seguir, pois a foto é auto-explicativa. Com um cortador de unha
e paciência eu terminei minha arte!!!

Bem, é isso! Essa foi uma pequena aventura que aconteceu comigo.
Tem varias outras, mas quero dizer que eu fui em uma festa colombiana
tentar dançar SALSA...ou seria "SARSA"? Quem liga. Mas foi legal.

Vou para por aki, pois cansei de escrever!

Cya!!!!

segunda-feira, 15 de março de 2010

Do avesso!




Vortei!
Eu sei que demoro para posta as coisas mas
aos poucos vou colocando coisas novas.

Virado-dos-Avessos à Paulista

Dica #1 – Se você que não sabe cozinhar direito, tente fazer um Virado à Paulista.
Aposto que você irá aprender rapidinho..como não deve ser feito um.

Dica #2 – Se alguem te der uma Panela de Pressão diferente das que você usa no Brasil,
e que a dona usa palito de dente para desentupir a valvula, não se assuste,
apenas reze para que não exploda. Ainda bem que não explodiu comigo!

Dica #3 – Você consegue cozinha qualquer comida sem óleo, vinagre, azeite e
ate mesmo sal refinado. Baste ter um pouco de agua, sal grosso e imaginação!

Dica #4 – Se no fim você achar que ninguem vai comer sua comida, não fique triste
com certeza a dona da casa irá fazê-lo comer tudo! Hehe!(Rir, pra não chorar)

Resumindo, “ I failed!” ! Acho que foi uma experiência incrivel!
Principalmente quando eu tentava abrir a panela de pressão e
não conseguia, e após ter passado meia hora tantando abrir
(cagando de medo pra tampa não sair voando com qualquer pressão restante)
Eu consegui. Mesmo ainda sabendo que teria que preparar tudo em um(1) hora
e no final acabou tomando duas(2) horas e quando eu pedi Couve a mom trouxe
Repolho....é valeu a tentativa!

Preguiça na área!
No momento não estou muito disposto a escrever bastante, mas
eu preparei alguns pequenos videos para vocês olharem.

Video 1

Video 2

Video 3

Eu tenho algumas coisas para contar, mas deixarei isso pra outro dia, hehe!

Cya!

quarta-feira, 10 de março de 2010

mais um poucooo!

Ola ppl!

(pensativo...)

Estou devolta, mas agora não escreverei muito. Claro que eu poderia descrever cada dia que estou na Austrália, mas acho que não é o caso, pois o importante é tentar mostrar as coisas incríveis que esxitem por aqui e importantes coisas que estão acontecendo comigo.

As aulas começaram.
Acredito no começo é tudo novidade. Tentar me localizar na escola, saber onde terei minhas aulas, conhecer os professores e meus colegas, que tão logo se tornarão amigos (talvez inimigos). É um processo que todos nós já estamos acostumados e que logo cairam no esquecimento, pois logo virão acontecimentos que tomaram lugar em nossa mentes ocupadas.

Fazer amigos. Sair com eles. Atividades extra-classe. Organizar a vida. Criar uma rotina.
O trêm começou a andar, todos os passageiros acharam seus lugares. Agora é seguir o caminho.
Me encontro na segunda parte da grande viagem.
E nessa viagem muitas pessoas irão descer na próxima estação, bem como muitas no ponto final.
Ouvi uma coisa interessante hoje: “(...)O pior é ver que mal fazemos amizade com a pessoa e elas ja têm que partir(...)”.
Quero começar a dizer que muitas pessoas que estão na Shafston voltarão para suas casas em no máximo 3 ou 4 semanas, a maioria japoneses, pois eles estão de férias de 1 mês. Outros passaram um pouco mais, mas poucos ficarão até o fim.

Mas o importante é aproveitar bastante as coisa. No momento acabei de chegar de chinatown, ou pelo menos um pedaço dela aqui em Brisbane. Muitas pessoa. Desta vez o grupo que saiu somava 20 pessoas. Foi bom, conheci mais pessoas. Fato interessante é, eu não consigo decorar todos os nomes das pessoas: Momoko, Yukako, Kiri, Yuri, Tatsuya, Asako,....To ficando louco!!!
Eu frequentemente esqueço os nomes e acredito que eles ficam bravo comigo, mas faço disso uma brincadeira e não fica tão mal pra mim. Hehehe!

Mais um fato: Estou ficando conhecido.

Finalmente o sol volta a brilhar na terras australianas. Recomeça as atividades.
Pessoas correndo, bicicletas para lá e para cá.
Nem mesmo começou as atividades, eu ja me encontrava jogando bola no gramado da escola. E para melhorar depois do futebol, um pouco de basquete para descontrair. Claro, isso depois da atividade normal do dia: Estudar Inglês!
Uma coisa importante disso é descobrir que existem pequenas coisas do dia-a-dia que eu não sei o nome em inglês. Mas tudo bem.

E para terminar meu dia, amanha será um grande dia para mim!
Mostrarei minhas artes culinárias. Terei que desempenhar um grande papel que será fazer a familia da minha homestay deliciar-se da mais requintada comida brasileira....não é feijoada....Virado à Paulista! Mas pelo jeito vai ser um Virado-dos-Avesso à Paulista. Mas veremos no que vai dar!



domingo, 7 de março de 2010

Mais sobre.....







Os Brasileiros dominam o mundo!







Agora eu vejo como é engraçado quando a pessoa fala




"Poxa, meu amigo foi para tal país..."




Eu estou em outro país e estou vendo esse "amigos".




E vocês tem que entender que brasileiro aqui na




Austrália são realmente amigos.




Primeiro foi no primeiro domingo que encontrei amigos




brasileiro(ok, amigAS!) e ja saimos por ai pra curtir




em Gold Coast! E a cada dia eu encontro um por ai.







Primeiro DIa de AUla







Os brasileiros irão dominar o mundo, mas os olhinhos




puxados ja dominaram a Shafston! Comom eu imaginava,




a escola eh por volta de uns 70% olhos puxados, heheheh




e 30% pro resto do mundo.




Pois bem, meu primeiro dia na shafston foi muito divertido!




Nem preciso dizer que eu sou uma pessoa meio perdida




quando se trata de primeira vez em um lugar (as vez na segunda




também acontece...). Chegando lá, eu acho que perdi pelo menos




uns 10 minutos tentando encontrar onde eu deveria ir




- sabe como é, homem se perde mas não pede informação, ainda




mais quando se trata de pedir informação em inglês -




pois bem, eu acabei por sendo ajudado (não pedi informação)




e achei o lugar. Muitos alunos novos por lá de todos os




lugares (mas clááááro, mais asiático).




Tratei de procurar o que deveria ser feito naquela bagunça e




já entrei na fila (filas grandes frequentemente é o lugar certo)




e fiquei observando. Se tratava do teste inicial, para saber




o level do aluno e em que ele deveria focar seus estudos.




Engraçado, nos dias anteriores eu estava meio com frustrado




pois não conseguia entender o que as pessoas diziam




mas no teste que fiz, os professor que fez o speaking(teste inicial)




eu não tive problemas de me comunicar, mas o problema




foi ter que fazer uma prova durante uma hora de Reading - Texto enorme-,




Writting - Ô coisa chata, mas fui bem -, Listening - Aff,




eu fui bem tb.




São 6 leveis de inglês, eu fiquei no lvl 4. Nada mal.




Contudo esse teste não é exato, mas sim uma aproximação.




O teste definia também qual focus era mais indicado




para mim no momento. Eu achava que era Speaking/Listening




Mas meu teste deu "Reading/Grammar".




Logo ficou em 3 aulas: Grammar / Speaking / Naum descobri ainda!







Os dias que se seguiram foram as aulas normais com professores




completamente....hmmm...pirados?Estranho? Um mix desses dois!




(se que não devia conta, logo no primeiro dia de AULA e no segundo




eu cheguei atrasado hehehe mas não levei falta).




Não pode falar outra lingua dentro da sala de aula, SOMENTE INGREIS!




Mas foi tudo bem, fiz amizade com todo mundo(ou quase)




estou bem a vontada. Geralmente minha companhia é




2-3 colombianas e um Brazuca(=Brasileiro) e geralmente no almoço.




Por falar em almoço, pode se dizer que estou passando mals-bocados




pois a comida NÃO TEM SAL! Onde ja se viu uma comida assim?! E, para




piorar, tem uma comida com Curry que é MUITO apimentada(ou seria quente?)







No começo foi bem dificil tentar achar as salas de aula




pois não é tudo em um lugar só! (descobri que tem Lavanderia lah)




Tem 3 andares com sala de aula. Do lado de fora tem sala...




por ai vai! To quase decorando o lugar. Lugar é muito bom.







Farei uma breve explicação sobre como funcionam as coisas.




Para chegar as Shafston, eu preciso fazer duas coisas.




Uma, andar até o rio e outra pegar o CityCat.




Para chegar até as margens do rio, eu demoro por volta




de uns 15 minutos de caminhada. E para eu atravessar o rio




eu pego o CityCat, que nada mais é que um mode inteligente




de aproveitar o rio como uma forma de transporte público.




E esse transporte, bem como todos os que correm em brisbane




os horários são tabelados, tem a hora certa para passar




então se você perder um busão, você olha na tabelinha




e vê quando vai passar o outro, tanto Onibus, CityCat ou trens!

segunda-feira, 1 de março de 2010

Estou na Austrália


Ola everyone!


Começa aqui meu primeiro post em um blog


Pelo menos estou tentando levar mais a serio


e não desistir de escrever.


Pra dizer a verdade esse será o segundo post


que eu estarei fazendo, pois o outro o site


engoliu minha enorme redação!!!



Dia 24 de Fevereiro eu viajei para a Austrália!


Foram 20 horas de vôo e algumas em terra firme.


Pode se dizer que foi uma viagem cansativa


apesar de eu ficar 99% sentado em uma cadeira


até que confortável, mas ainda não deixa de ser


uma cadeira! 20 horas Sob ar condicionado do


avião, não foi nada fácil. No final do vôo eu


estava com dor de cabeça e com o nariz escorrendo!


Eu tive sorte que quando eu cheguei em Buenos Aires


onde eu fiz minha primeira parada eu encontrei


uma carinha que me ajudou - apesar de saber


um pouco de inglês, ainda não consigo entender


muito bem as pessoas falando, mas aos pouco consigo -


logo, eu fui seguindo ele pois ele também estava


indo para Sidney, que seria minha próxima parada.


Minha viagem até Buenos Aires foi de ~2:40hs,


14:00hs até Sidney e 1:30hs até Brisbane.



Em Sidney não foi tão facil como imaginava que seria


pois ficar tentando reconhecer a bagagem no aeroporto


foi uma brincadeira sem graça, acho que eu tinha visto


minha bagagem passar por mim umas 10 vezes até eu


conseguir reconhecê-la!



Cheguando em brisbane, minha mente só ficava pensando,


"Nossa, não terá ninguem esperando por mim e terei ainda


que encontrar minha bagagem denovo!", porem foi mais rapido


desta vez.


Apos estar de posse da minha bagagem, eu não sabia direito


como eu ia fazer para chegar até minha homestay, Lugar


onde eu iria passar 1 mês em uma casa de familia.


Após desesperados 10 minutos entendendo como funciona as coisa


pos aqui, eu consegui pegar o taxi, que mais tarde eu ia


descobri que taxi é algo do tipo um botão PQP que quando


se esta perdido se aperta e pronto, resolve-se o problema!


Foi rápido até a homestay, mas esse rápido me custou 40 dolares!


(uma coisa interessante quando se está em terras desconhecidas,


é que naum se sabe se a pessoa está te enganando com o taxi, se


ele esta dando voltas...bem, nunca vou saber se eu fui tapiado)


Cheguei na homestay, e fui bem recebido pela - chamemos de My Mom -


My Mom e ela me levou até o meu quarto.



A unica coisa que eu estava pensando em fazer era durmir, pois eu


estava com uma dor de cabeça e cansado.


Após ter arrumado minha coisas, My Mom explicou inicialmente como


as coisas deveriam funcionar. E ja fiquei disposto a uma atividade


familiar no outro dia: Procurar carros com a filha B (como vocês


podem perceber, eu não quero dar nomes hehehe).


Outro dia, um dia atarefado. Logo de manha eu entendi como funciona


o café da manha e provei algumas coisas diferentes..os nomes das coisa


e após ter meu primeiro café da manha eu fui pro rua!


Eu nãO ia esperar ninguem me pegar na mão e me mostrasse


as ruas do bairro. La fui eu, encarando um mundo desconhecido,


novas formas de vida, estando um homem jamais


esteve...atrás de um "Go Card"!



Ahhh, la estava eu, uma criânça nas ruas australianas, ou melhor,


nas ruas de New Farm! Tudo era um tanto diferente. Ta certo que ainda


ruas continuam sendo ruas, casas continuam sendo casas, e carros...


bem ainda são carro, mas um pouco diferente do que os do Brasil!


Tem uns carros muito dahora por aqui e mais de cores que não é visto


comunmente no Brasil.


O transito é uma coisa de louco, ainda não estou conseguindo colocar


fotos, pois eu tirei com meu celular novo, mas não tenho cabo ainda.


"OLHE SEMPRE PARA A DIREITA" dizia as regras que My Mom me deu.


Diferente qui, o transito é invertido aqui. O volante dos carros


é na direita! Coisa muito loucas! O semáforos coisa de louco


ainda não sei qual é a seguencia dele, pois não fiquei vendo


quantos estágios tem, mas o farol de pedestre só tirando a foto


para entender, mas uma coisa eu digo, o pessoal não atravessa quando


o farol está vermelho, também não tem porque!


Bem, deixando esses detalhes para outro dia, vou resumir dizendo


que não consegui meu Go Card, pois eu precisava da minha carterinha


ou algo do tipo para conseguir um Go Card Verde, onde conseguiria


desconto nas conduções.


Voltei para casa e esperei pelo tempo de sair com a famila em busca


de alguns carros (usados) que a filha encontrou em anuncios.


Local: Gold Coast!


É um pouco demorado até chegar, mas chegamos na PRAIA!


Posso dizer que as cidades tanto de Brisbane, tanto de Gold Coast são


facinantes, pelo menos para mim. A arquitetura é un tanto diferente,


mais..não me vem a palavra certa agora. Continuando, durante a viagem


que tivemos até a Gold Coast, My Mom foi mostrando algumas coisa, como


a Shafston - onde eu iria ficar- o rio, o nome dos lugares, etc.


Mas o que me deixou frustrado foi que 80% da conversa entre mãe e filha


eu não entendi! Está certo que eu estava ali para aprender ainda


mas poxa, eu deveria entender pelo menos uns 40%.



Vou tentar resumir, pois ja escrevi demais. Então, resumindo, procuramos


os carros, passei alguns apuros com a Filha B, pois ela não tinha


prática em dirigir carros manuais. (eu não teria também, pois trocar


de marcha com a mão esquerda é muito estranho). Comemos batata frita


de frente pro mar, onde My Mom explicou que as aguas são perigosas


e têm tubarões e acho que o mar é bem traiçoero na região


e as áreas delimitadas pelas bandeiras Amarelo-Vermelha


são os lugares seguros e onde os salva-vidas ficam de olho.



Bem, é isso por hoje, acredito que foi uma quantidade de informações


muito grande, pois tudo parece novidade, apesar de não ser.


Cheguei cansado esse tia, mas ainda tinha muita coisa ainda para


acontecer nos próximos dias, certo?!?!